Home | Loja Virtual | Fotos e Vídeos | Campeonatos | Classificados | Matérias | Contato | Onde Pescar | Técnicas | Cursos e Palestras | Eventos | Destinos

Fishing Report

Porque pescar, fotografar e soltar?

Já algum tempo queria levantar e falar sobre esse assunto (PORQUE PESCAR, FOTOGRAFAR E SOLTAR?), porém só agora tive esse tempo. Sabemos das dificuldades que temos em conscientizar pousadas, “pescadores” e pessoas de um modo geral quanto a prática do Pesque, Fotografe e Solte, trabalho esse cada dia mais necessário devido a uma deficiência absurda de leis e fiscalização em nosso território nacional, isso extremamente necessário para que possamos ter preservado ou até mesmo menos devastado nossos locais de pesca e consequentemente a possibilidade de praticar de nosso estimado hobby, paixão, vício como queiram chamar a pesca!

São muitas as vezes que capturei em minhas pescarias mais de uma vez o mesmo peixe, chegando a mais de duas vezes muitas vezes, cito as espécies, Black Bass e Tucunaré, costumo dizer que as demais não temos como ter certeza sem que façamos uma marcação, isso devido aos seus hábitos e seus “desenhos” ao longo de seu corpo, pois tanto o Black Bass como o Tucunaré são territorialistas e tem esses “desenhos” de fácil comparação.

Tais capturas são decorrentes da marcação do exato ponto e condições de captura do peixe bem como principalmente da atitude de Pescar, Fotografar e Soltar, essa a principal ao meu ver. Imaginem vocês aquele ataque fantástico de um Tucunaré em sua isca de superfície, depois disso uma briga animal, com saltos, tomadas de linha, posteriormente aquela foto para recordar o peixe pescado e por fim a soltura do exemplar, sabendo que podemos voltar nesse mesmo local e ter todas essas emoções novamente? Ainda mais, de levar nosso pai, filhos e amigos para passar por essas emoções!?

Posso afirmar que é inexplicável a sensação de chegar em um local como Serra da Mesa e falar assim para seu pai: “Pai, está vendo aquela árvore ali? Seguinte, tem um Tucunaré de uns 4 kg lá, arremessa do lado direito passando uns 3 metros e trabalha essa “porcaria” de Trairão direito cacete!” kkkkkkk... pronto, 10 segundos depois começa tudo de novo, ou seja, “ataque fantástico de um Tucunaré em sua isca de superfície, depois disso uma briga animal, com saltos, tomadas de linha, posteriormente aquela foto para recordar o peixe pescado e por fim a soltura do exemplar”.

A seguir fotos de uma dessas capturas, ou seja, o mesmo peixe capturado duas vezes, nesse caso foi em um prazo de duas semanas, olhem as informações, mesma isca, quase mesmo horário, etc...

1º CAPTURA Data: 11/10/2010
Local: Serra da Mesa-GO (ponto marcado)
Isca: Walkie Talkie - Bomber®
Horário: 12:11 h
Lua: Nova



2º CAPTURA
Data: 24/10/2010
Local: Serra da Mesa-GO (ponto marcado)
Isca: Walkie Talkie – Bomber® (mesma isca)
Horário: 11:47 h
Lua: Cheia



Abaixo as imagens ampliadas para ver os detalhes das marcas e do ocelo, confirmando o mesmo peixe.




Por isso galera pratiquem e conscientizem cada vez mais pessoas quanto ao Pesque, Fotografe e Solte! Posso afirmar que a sensação que isso pode causa é inexplicável!

GRANDE Abraxxx,

SGAMBATTI



Voltar
















Desenvolvido por OneWeb